Clube Atlético Juventus na Mooca

Juventus O Clube Atlético Juventus é um tradicional clube da cidade de São Paulo. Criado pela colônia italiana da Mooca, bairro da região sudeste da capital paulista, tem no nome uma homenagem à Juventus de Turim.

Já sua camisa era a princípio roxo, numa homenagem à Fiorentina italiana, mas, com o tempo, suas cores foram escurecendo para o grená.

A lenda de que o time tinha as cores e o uniforme do Torino, arquirival da "vecchia signora" Juve, para agradar dois irmãos vindos de Turim que fundaram o time, não é verdadeira.

Já tendo chegado ao título do Campeonato Brasileiro Série B, atualmente participa dos campeonatos Campeonato Paulista e do Campeonato Brasileiro da Série D e esporadicamente disputa a Copa do Brasil.

O time usualmente joga com seu uniforme grená e é frequentemente conhecido por seu apelido de o Moleque Travesso devido às vitórias conquistadas sobre os grandes clubes de São Paulo.

História

O Clube Atlético Juventus foi fundado em 20 de Abril de 1924 pelos funcionários do Cotonifício Rodolfo Crespi, sob o nome de Extra São Paulo. Então as cores do time replicavam as cores da bandeira do estado de São Paulo: preto, branco e vermelho.

Durante o ano de 1925, o clube mudou de nome para Cotonifício Rodolfo Crespi Futebol Clube, e em 1930, adotou seu nome atual: Clube Atlético Juventus.

Em 1934 mudou de nome para Clube Atlético Fiorentino, quando conquistou o campeonato da cidade de São Paulo na final contra o Albion e, em seguida, o campeonato estadual na final contra o Ferroviário de Pindamonhangaba, campeão do interior; há de notar que estes campeonatos foram organizados pela Liga Paulista de Futebol, entidade então reconhecida pela CBD e pela FIFA, já que naquele ano houve uma cisão no futebol brasileiro e os clubes mais tradicionais optaram pelo profissionalismo criando a Federação Brasileira de Futebol, entidade que não era reconhecida pela FIFA.

Em 1935 o clube optou pelo profissionalismo e voltou a adotar o nome de Clube Atlético Juventus, com a ajuda da família Pucci

Títulos

Nacionais

• Campeonato Brasileiro - Série B: 1983.

Estaduais

• Campeonato Paulista - Série A2: 2 vezes (1929 e 2005).

• Copa Paulista: 2007.

• Torneio Início: 1986.

Outras Conquistas

• Torneio Jânio Quadros: 1953.
• Campeonato da Liga Paulistana: 1934.
• Torneio de Clássificação do Campeonato Paulista: 1971.

Categorias de Base

• Copa São Paulo de Futebol Jr.: 1985.
• Vice-Campeonato Copa São Paulo de Futebol Jr.: 3 vezes (1989, 1990 e 2000).
• Campeonato Paulista Sub-15: 2001.

Partidas históricas

• Juventus 1 x 0 CSA 1983 – Final do Campeonato Brasileiro Série B
• Juventus 4 x 1 São Paulo 1986 – Campeonato Paulista
• Juventus 2 x 1 Corinthians 1992 – Campeonato Paulista
• Juventus 2 x 1 Palmeiras 1993 – Campeonato Paulista
• Juvenuts 1 x 0 Fluminense 1998 – Campeonato Brasileiro Série B (disputado em Osasco - gol de Ramos)
• Fluminense 2 x 0 Juventus 1998 – Campeonato Brasileiro Série B (primeira partida oficial do Juventus no Estádio do Maracanã, e a única até hoje)
• Juventus 2 x 1 Noroeste 2005 – Final do Campeonato Paulista (A-2)
• São Paulo 0 x 1 Juventus 2006 – Campeonato Paulista (Juventus "carimba a faixa" de Campeão Mundial Interclubes do adversário em pleno Estádio do Morumbi)
• Juventus 2 x 3 Linense 2007 – Final da Copa FPF (Campeão)
• Juventus 3 x 1 Santos 2008 – Campeonato Paulista
• Juventus 5 x 1 Coruripe 2008 – Primeira vitória da história da Copa do Brasil

Principais Rivais

• Nacional
• Juventus

Curiosidades

Busto do Pelé• A torcida juventina apesar de pequena é famosa por apoiar a equipe os noventa minutos da partida, sendo com certeza umas das mais fanáticas torcidas do país e transformando seu acanhado estádio num verdadeiro caldeirão para os adversários.

• O Clube Atlético Juventus foi batizado com o mesmo nome de Juventus da Itália e pretendia usar as cores tradicionais deste time. O padrão alvinegro, entretanto, já era adotado por muitos clubes paulistas, o que levou à busca de uma combinação sem semelhantes: o branco-grená.

• O cantor e compositor Chico Buarque, quando adolescente, chegou a fazer testes juvenis do Juventus.

• Pelé afirma que seu gol mais bonito foi marcado na Rua Javari em 2 de Agosto de 1959 durante o Campeonato Paulista. Como não existem imagens deste feito Pelé pediu que o gol fosse recriado através de computação gráfica para o documentário Pelé Eterno.

No célebre jogo entre Juventus e Santos, na Javari, em que Pelé fez o gol que é considerado mais genial de sua carreira, Clóvis Nori era um dos zagueiros vencidos pelo Rei numa sucessão de chapéus de cabeça antes da conclusão para as redes do goleiro Mão de Onça.

O jogo aconteceu de baixo de muita chuva no ano de 1959, no estádio Conde Rodolfo Crespi, na Rua Javari. Uma vitória do Santos sobre o Juventus por 4 a 0.

Após cruzamento de Dorval, Pelé dominou a bola, chapelou Julinho, depois Homero e depois Clóvis. Deu um último lençol no goleiro Mão-de-Onça, que pegou só barro, e de cabeça fez seu terceiro gol no jogo. O mais bonito de sua carreira. Único. Mágico. Fonte de consulta: Almanaque do Corinthians - Celso Unzelte.

 



Gostou do nosso site? Então compartilhe:



 
  Sobre o EncontraMooca
Fale com EncontraMooca
Anuncie no EncontraMooca
Cadastre sua Empresa no EncontraMooca (grátis)
+Seja um Franqueado EncontraBR


Termos EncontraMooca | Privacidade EncontraMooca


Bandeira do bairro da Mooca